lesão de Rodrigo Caio não é tão simples quanto se imaginava. Na noite dessa quinta-feira, o São Paulo confirmou que o zagueiro terá de passar por uma cirurgia no pé esquerdo para corrigir uma instabilidade ligamentar. O procedimento será feito já nessa sexta, no HCor, em São Paulo.

O beque de 24 anos torceu o pé nos minutos finais da partida contra o Ceará, na Arena Castelão, na segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Após suspeitar de fratura, Rodrigo Caio foi aliviado com o descarte da possibilidade pelo exame de imagem feito ainda em Fortaleza.

Desde então o jogador tem feito tratamento fisioterápico em dois períodos no Reffis do CT da Barra Funda. Apesar de apresentar certa evolução, que inclusive o levou a correr no gramado em alguns dias, o quadro de dor persiste.

Por isso, o departamento médico do São Paulo decidiu procurar orientação de especialistas em tornozelo e pé. Após a consulta, ficou decidido que Rodrigo Caio terá de passar pela cirurgia para resolver o problema de uma vez por todas.
“Esperamos todo o período possível para a reabilitação do quadro. Como não houve um avanço pleno e o atleta seguia apresentando dor que o limitava a realizar alguns movimentos, optamos pela cirurgia”, explicou o chefe do departamento médico tricolor, Dr. José Sanchez.

O tempo de recuperação estimado não foi informado pelo clube.

Rodrigo Caio tinha a esperança de disputar a Copa do Mundo pela Seleção Brasileira, mas foi preterido por Tite, que escolheu o gremista Geromel. Durante a entrevista coletiva para o anúncio dos convocados, o treinador admitiu que só fechou a lista poucos minutos antes do comunicado oficial em função de um reposta que aguardava sobre um jogador.
Fica o mistério se a lesão no pé não pode ter barrado Rodrigo Caio de ir à Rússia.