Roldão Aires

Artista plástico – poeta – escritor

BIOGRAFIA

Roldão Aires

Roldão Aires

Sua primeira atividade foi a de piloto aviador, na década de 70. Posteriormente atuou em propaganda e atualmente, exerce trabalhos na área de comunicação e artes (locução de rádio, publicidade – criação, pintura e poesia).

Foi convidado em 1997, pela secretaria de Cultura do Município de Mogi das Cruzes, a fazer uma exposição experimental de suas obras – pois era muito conhecido na região como desenhista e publicitário.

Naquele ano, participou então de uma pequena Mostra que abriu caminhos à milhares de exposições feitas até os dias atuais.

Possui quadros no exterior, em países como México e Portugal. Alguns artistas da televisão e da música, além de alguns jornalistas, também já possuem suas obras, como por exemplo as atrizes Glória Menezes; Bianca Rinaldi; o “Rei” da Jovem Guarda, Roberto Carlos; a apresentadora Angélica; o eterno cantor de modinhas Juca Chavez; o jornalista Paulo Henrique Amorim, o saudoso humorista Zé Vasconcelos (já a possuía em vida e agora, a obra está com a família), dentre outros.

No dia 13 de junho de 2010, recebeu o prêmio “Jorge T. Rizzini”, pelo segundo lugar no concurso de contos e poesias, com temática espírita, realizado na cidade de Jacareí, interior do estado de São Paulo.

Pão de Açúcar - Obra de Roldão Aires

Pão de Açúcar – Obra de Roldão Aires

Roldão Aires pertence à Associação Paulista de Belas Artes, desde julho de 2001, sob o número 19.147. É também membro da Academia Cabista de Letras, Artes e Ciências – ACLAC da cidade Arraial do Cabo – RJ (cadeira nº 27). É membro da U.B.E. - União Brasileira dos Escritores; e membro da Academia de Letras do Brasil (São José do Rio Preto-SP), assumindo em dezembro de 2015, a cadeira nº01.

No momento, é responsável pelo depto. publicitário do PORTAL R.A.J (www.portalraj.com.br) – um portal que administra junto aos filhos e que também trabalha com exposições virtuais de arte e catálogo de artistas.

O artista e poeta é catalogado no Livro “Artes Plásticas do Brasil”, da Editora Júlio Louzada, Vol. 13. Pág. 05. Artes.

 

Algumas obras de Roldão Aires